quarta-feira, 18 de março de 2015

Despete leitor Celestial!

As vezes no silêncio do meu corações recebo um pouco de luz e asas...

Você já teve essa sensação?

Neste momento, neste exato momento, abro um livro e nele encontro uma chave dourada, o meu corpo se torna fluídos de energia e me percebo em outros mundos, habitados por seres mágicos.

Não sou mais o mesmo, não tenho corpo, cor ou cheiro, eu sou o universo e o universo sou eu.

Então descubro que sou um Leitor Celestial!

Namastê!
Luz Verde.
Rafa Self